segunda-feira, 9 de março de 2009

Minha escrita

Hoje, disseram-me algo interessante: meu português é de uruguaio. Não entendi muito bem, mas fiquei horas a pensar em que se manifestava isso na escrita. Confesso-lhes que sigo sem saber. Porém, muitos que leram o que tive de escrever em espanhol disseram que a prosa era portuguesa. Aí está. Minha escrita deve residir em um não-lugar. Como já disse, pensei muito nisso e cheguei a ficar triste por ter uma escrita como acima descrita, agora acho que não há problemas, pois na melhor das hipóteses, com uma visão otimista-narcisista, ela é peculiar.

3 comentários:

°annE °criS disse...

O que é diferente as vezes assusta..... mas sempre É DIFERENTE e pode ao mesmo tempo ser muito bom!

- j disse...

Eu gosto muito de tua escrita, Rodrigo, além das idéias que tu expressas (de fato importantes), tua forma de escrever é muito agradável e culta. Não há porque se entristecer. Há determinados blogs cuja essência das mensagens me fez leitora assídua, o teu é um deles. Segue assim, muitas pessoas admiram tuas postagens e refletem a partir delas. Podes ter certeza disso :)

Rodrigo Bentancurt disse...

Obrigado!!!